sábado, 6 de junho de 2009

.


Sexta-feira 9:54 pm, aula de português instrumental:

O camisolão, o jarro, o passarinho, o oceano, a visita na casa que a gente sentava no sofá.
-E ai, que você acha que Andrade quiz dizer com isso?
-Sei lá. O que você acha de:
'A calça jeans, o grafite, a varanda, a pitombeira, a praia onde a gente sentava com céu alaranjado.'
- A camiseta surrada, o muro do quintal, o cheiro de maresia, os vinis antigos, o alfinete...
-O alfinete?
-É para fazer o papel do jarro.
-Ahh, hum...
-E você, o que escreveria?


PS: Saudações ao Oswald, que aprendeu com o filho que a poesia é descoberta das coisas que nunca se viu.

/Créditos da imagem: books.google.com.br/

10 comentários:

Andarilho disse...

"A bermuda suja de barro, os pássaros, a serra, a subida na árvore em que a gente sentava para conversar."

Não sou tão bom com as palavras.

Eduard disse...

O piano, a caminhonete, a maçã, a cidade fria e chuvosa, a arvore onde a gente sentava p conversar...

Bella, sua nerd!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Quem escreve poesia, escreve com a alma... lindo!

Josy, muito obrigada pelo carinho hoje. Receber parabéns de quem gostamos é tão gostoso.

Você é um amor!

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Ric disse...

Coisas que nunca se viu com os olhos... a poesia requer sentidos mais aguçados e sutis.

Beijos!

Germano Xavier disse...

O olhar, o ver, o sentir, o ser, o acontecer...

Talvez seja isso, um despertar.

Carinho, Josy.
Sigamos...

Judith disse...

A caneca de chocolate quente, o pensamento inconstante, a janela sempre aberta. E a espera? Eterna.

Saudades de vc, linda menina!
Beijão!

Judith disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Judith disse...

Que delícia entrar no meu blog e encontrar suas palavras.
Vc faz falta menina. Some mais assim, não.
Uma beijoca bem grandona pra vc!
E beijos pro Marvin também.

Muuuuuuuuuaaaaaaaaaahhh!

Daniel "Amarelo" disse...

A poesia está nas menores e mais insignificantes coisas que possamos imaginar. E quanto mais simples, melhor.

Parabéns por mais uma bela postagem, e obrigado pelos parabéns, tudo em dobro pra você.

Um beijo bem amarelo!

Judith disse...

Outro selo pra vc no meu blog.
Volta logo. ;)